Testes de Contato (Patch Test)

Desde o reconhecimento de que várias doenças alérgicas podem ser causadas pelo contato e/ou exposição a certas substâncias orgânicas, de origem proteicas ou inorgânicas, estabeleceu-se a prática de reexposição a essas mesmas substâncias como meio auxiliar no diagnóstico.

Os testes cutâneos ou TESTES de CONTATO constituem uma ferramenta auxiliar importante no diagnóstico das doenças alérgicas.

Alguns agentes químicos podem causar dermatites por mecanismos imunológicos (hipersensibilidade) ou por mecanismos não imunológicos (tóxicos). O teste de contato é uma exposição experimental feita em condição especial, limitada local e temporalmente.

Mediante este teste, o clínico pode comprovar a sensibilização (alergia) da pele de um paciente a determinada substância.

O Teste de Contato está indicado nos casos de suspeita clínica de dermatite de contato, nos eczemas crônicos recorrentes ou nas dermatites com liquenificações. Na investigação inicial destes quadros, deve-se usar uma bateria padrão contendo substâncias às quais os pacientes ou a população estudada estaria sensibilizada. Se o resultado obtido com a bateria padrão for negativo ou se a(as) substância(s) positiva(s) não tiver(em) relação com a história e/ou exame físico do paciente, deve-se fazer outras baterias de testes de contato para tentar achar o fator causal envolvido.

Se você deseja receber informações técnicas sobre os Teste de Contato, solicite à Sensitiva através do e-mail apoiotecnico@sensitiva.com.br

História
Missão e Valores
Unidades
Farmacêuticos
Orçamento On-Line
Orçamento Fax/E-mail
Entrega domiciliar
Novo Orçamento
Consulta Orçamentos
Login
Cadastro
Projeto de Comunicação
Homeopatia
Fitoterapia
Nutrição
Dermocosmética
Alergias
Cadastro
Acesso Restrito
Artigos
Cadastro
Acesso Restrito
Home
destaque 1
destaque 2
área reservada